Secretário diz que emenda de Kaio não chegou; chama de matéria requentada proibição do MPPE e tranquiliza torcedores do Serrano

Após o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) recomendar à Prefeitura de Serra Talhada que adote providências para suspender competições esportivas no estádio de futebol Nildo Pereira de Menezes, O Pereirão. Afirmando que “O local encontra-se em condições precárias, pondo em risco a segurança dos frequentadores. E que o estádio só deve ser reaberto para competições após os reparos que garantam a segurança dos frequentadores”. Sobre o assunto o secretário de esportes, Ginclécio Oliveira, conversou com a Cultura FM e o Leia Mais PE.

“Antes da recomendação do próprio MPPE, a secretaria de esportes juntamente com o secretario de obras, Cristiano Meneses, realizou uma vistoria no estadio, porque existe uma preocupação interna também, uma preocupação do governo”. Disse Oliveira emendando.

“Eu creio que foi uma matéria um pouco requentada, porque nós estamos realizando o Serra Esportiva e dentro do evento tem a modalidade futebol, então acho que alguém comentou que tinha jogos para o Pereirão e houve a preocupação do MPPE”.

O secretário informou que a recomendação do MPPE será respeitada e durante o período da interdição “Nem Jogo de bila” acontecerá no local.

Ginclécio informou ainda que a emenda parlamentar no valor de R$ 300 mil, prometido pelo deputado federal, Kaio Maniçoba (MDB), ainda não está na conta. “Na verdade o dinheiro está empenhado e muita gente confundi e acha que está liberado, na conta, mas não está”.

SERRANO

PUBLICIDADE

Ginclécio disse que o projeto já está pronto, é arrojado, e que o estádio irá passar pela reforma, que deve começar dentro de alguns dias.  Assegurando também que o estádio ficará pronto a tempo do Serrano estrear no campeonato pernambucano.

“Antes do campeonato pernambucano serie – A2 vamos entregar o estádio pronto, a torcida do Serrano pode ficar tranqüila que o estádio vai ser entregue”.