Sem apoio do PSB Plano B de Paulo passa pelo PCdoB, para tirar Marília da disputa

Foto: Paulo Câmara PSB e Marília Arraes PT

Na semana decisiva das convenções partidárias, o governador Paulo Câmara, do Partido Socialista Brasileiro (PSB), já colocou em prática seu plano B, visando tirar a candidata Marília Arraes (PT) da disputa política eleitoral deste ano.

O Leia Mais PE descobriu que o governador Paulo Câmara tentou de todas as formas convencer o seu partido a fazer uma aliança nacional com o partido dos trabalhadores, para que em troca do apoio dos socialistas a Lula, o PT retirasse a candidatura de Marília Arraes em Pernambuco, o que não deu certo. A maioria da bancada nacional do PSB se mantém irredutível e não aceita essa união, mesmo que seja para salvar o pescoço de Paulo e sua reeleição aqui em Pernambuco.

Por esta razão, sem tempo a perder já que o prazo das convenções é até domingo 05 de agosto, Paulo Câmara já colocou em prática seu plano B, que envolve um aliado antigo do PSB no estado, O PCdoB.

Paulo ofereceu a vice de sua chapa a Deputada Federal e ex-prefeita de Olinda, Luciana Santos, como já é de conhecimento de todos, o que pouca gente sabe e nós que fazemos o Leia Mais PE descobrimos, com exclusividade, é que para Luciana Santos fazer parte da chapa majoritária de Paulo Câmara, ele quer que Manuela D’Ávila abra mão de sua candidatura a presidência da república para o PCdoB apoiar a candidatura do PT a presidência, o que levaria o Partido dos Trabalhadores a abrir mão da candidatura de Marília Arraes em Pernambuco.

“É artilharia pesada para tirar Marília do jogo, vale tudo. Porque sua saída da disputa facilitaria a reeleição de Paulo Câmara, e iria manter a hegemonia do PSB no estado”, revelou a fonte pedindo reservas.

Um comentário
  1. É so o que sabem fazer! Jogar com o destino de um Estado! Nenhum dos dois, por mim não serão eleitos!!! Se Deus quiser! !!

Comentários estão fechados.